Quer vender ou alugar sua casa/apartamento com mais facilidade? A dica é: Home Staging.

Mas afinal, o que é HOME STAGING?

blank

Home Staging é uma técnica de visual merchandising para imóveis que usa princípios de design de interiores, psicologia e marketing buscando evidenciar e valorizar seu imóvel para atrair futuros compradores ou inquilinos, assim fazendo com que o seu seja destaque entre os demais e que seu potencial de venda/aluguel seja maximizado. Mas como fazer isso?

Há algumas técnicas que auxiliam nestes quesitos. Como por exemplo: Luz, cheiro e higiene, cores, despersonalização, distribuição do espaço e harmonia.

Para facilitar seu entendimento vamos descrever um pouco sobre as características citadas acima.

Luz: A iluminação do local é um dos quesitos fundamentais, se há luz natural, use e abuse dela, senão utilize a artificial para fazer o trabalho necessário. A iluminação do seu ambiente diz muito sobre ele, e a venda da sua casa pode ser influenciada pela luz sim. É de extrema importância que o potencial comprador visite a casa em um horário em que a luz esteja ressaltando os pontos fortes da construção e assim, de forma indireta, ele será estimulado por ela.

Cheiro e higiene: Perfume e limpeza são dois fatores essenciais para que você receba a visita de seus futuros inquilinos/compradores. A ideia é que eles sintam que estão em um ambiente tão gostoso, refrescante e cheiroso que poderiam mudar naquela mesma hora e não teria problema algum. É legal dizer que é muito comum as pessoas associarem a limpeza da sua casa com o cuidado que você tem com ela, e para o comprador, isso é um fator de estímulo de compra também.

Cores: Aposte em tons neutros que dificilmente terá problemas, as cores claras ajudam na sensação de amplitude dos ambientes e também no quesito iluminação. Como não é possível saber as cores preferidas do possível comprador, é melhor não arriscar em cores fortes e muito marcantes, pois isso pode atrapalhar a sua venda.

Despersonalização: A dica é, retire da sua casa todos os seus objetos pessoais, para que assim ela não pareça tão sua ao receber um potencial comprador/inquilino, e então será mais fácil dele se imaginar morando nela. É uma dica bem fácil e prática, e que acaba ajudando muito neste momento.

Distribuição do espaço: Aqui o objetivo é dar amplitude a cada ambiente, deixar os espaços convidativos, aconchegantes, e visualmente confortáveis, portanto a dica é, desfazer dos móveis que já estão muito desgastados e com aparência de velhos, desta forma irá ajudar o seu futuro comprador a enxergar toda casa de maneira mais ampla e harmônica, o que vale muitos pontinhos para um bom negócio.